Emiliana e o seu divino restaurante!


Que a vinha Emiliana segue a filosofia do cultivo orgânico e biodinâmico para a produção dos seus premiados vinhos, como o Coyam por exemplo, todo mundo já sabe! Que durante o tour pelas plantações, podemos ver de pertinho as fofas alpacas, acho que todos também já sabem. Que ela é a maior vinha orgânica do mundo e está a caminho de Valparaíso, no Vale de Casablanca, essa pode ser uma nova informação para você. Mas a novidade mesmo é o seu novo restaurante, sob o comando do Chef Cristian Naranjo, que cuidou de elaborar uma carta de pratos para cada estação do ano e claro, em perfeita harmonia com os vinhos brancos, tintos e os espumantes produzidos pela Emiliana. E, entre alpacas, plantações de uvas, árvores e flores nativas do Chile, você vai provar peixes, frutos do mar, saladas, queijos e carnes, num clima de puro prazer e deleite aos seus sentidos!

Na carta, opções para os vegetarianos com produtos cultivados na horta da vinha, tudo fresquinho e muito saboroso! E para aqueles que querem provar outras delícias da cozinha Emiliana, recomendo como prato de entrada, um ceviche de salmão com “palta”… Divino!


Horta Orgânica, todo o seu “lucro ou uso” são dos trabalhadores da vinha.
Prato de entrada: ceviche de salmão com palta (abacate), acompanhado de salada de folhas verdes, queijo de cabra e tomates cherry, uma das delícias da carta de verão!

Salmão com molho de camarão, uma das boas opções de prato principal. Para acompanhar, a frescura do Chardonnay do próprio Vale de Casablanca.

O atendimento: esse é um diferencial aqui na Emiliana! Você vai se sentir almoçando entre amigos, daqueles amigos que são queridos mesmo e que fazem questão de te receber com sorriso e alegria! E eu falo de todos: desde quem nos recebe na entrada da vinha, das senhorinhas que cuidam para que tudo esteja limpo e organizado, dos guias que apresentam a vinha com paixão e gratidão, até a Cony, que nos enche as taças e o coração com a sua simpatia!

Cony: ela não vai deixar a sua taça vazia!

Bem, espero que com essas poucas fotos e palavras, eu tenha mostrado o muito que a Emiliana tem para te oferecer como experiência de gastronomia e enoturismo e, deixo aqui o meu convite para que na sua próxima visita ao Vale de Casablanca, você venha conhecer os sabores, aromas, sombras, cores e sorrisos da família Emiliana! Ah, comigo claro, rss.

Apresentando “el postre”: o Chef Cristian junto do querido guia Camilo!
“El Postre”

Antes do almoço você pode fazer um tour pelas plantações da vinha e conhecer mais sobre o seu cultivo orgânico e biodinâmico e entender que cada flor, árvore, inseto ou animal que faz parte do seu entorno tem um papel fundamental no ecossistema da vinha e, como boa consequência, na qualidade dos vinhos!

O restaurante abre seis dias da semana, com exceção das terças-feiras. Dá para chegar e almoçar, mas o melhor mesmo é fazer a reserva antecipada.

E minha sugestão para fechar muito bem a experiência do dia, é seguir depois do almoço até o litoral do Pacífico e conhecer a beleza caótica de Valparaíso!

Valparaíso: declarada pela Unesco em 2003 como Patrimônio da Humanidade

Ficou com vontade? Então me chama que eu te passo todas as informações desse, e de outros passeios que ofereço de forma privada
e-mail: contato@feriasnochile.com | whatsapp: +569 9202-0351


Para me conhecer um pouco mais, clica AQUI


Bete Veingartner | Santiago, Chile | Janeiro 2020