Roney e família

Eles vieram de Campo Grande, no Mato Grosso do Sul, para conhecer as belezas do Chile! E em um roteiro enxuto e escolhido considerando os desejos de cada um, viveram a inesquecível experiência de brincar e fazer um piquenique na neve, passearam no litoral do Pacífico em um dia lindo de sol, conheceram uma parte da cidade de Santiago e as delícias imperdíveis das vinhas!

Período da viagem: 11 a 15 de outubro de 2017 | Estação: Primavera

Roteiro escolhido: City Tour | Valparaiso e Viña del Mar | Cordilheira dos Andes | Valle de Casablanca


O Roney nos achou no Facebook, gostou dos comentários que leu a respeito do nosso trabalho e não pensou duas vezes, nos escolheu para levar ele e sua família para passear! Com ele vieram, sua esposa Mercedes, sua filhota Malu, sua mãe dona Carmela com sua cuidadora Nena e a Cristina, uma amiga muito querida da família. E foi com essa família linda que eu passei uma semana inteira, acompanhando em todos os passeios, fiz questão de estar por perto, pois a dona Carmela tem dificuldade de se locomover e achei importante então estar presente para dar toda a atenção necessária, mas também para entender de perto, o que falta no serviço que oferecemos e também no turismo como um todo aqui no Chile, quando o assunto é acessibilidade. Me dei conta que parte da cidade está preparada para aqueles que tem alguma dificuldade de se locomover, mas há lugares que são tão turísticos e pecam pela falta de acessibilidade e empatia. Notei que nós também deixamos a desejar, faltou uma escadinha para facilitar a subida e descida de dona Carmelita da van, mas felizmente com a boa vontade da família, do nosso motorista e de alguns brasileiros e chilenos que nos ajudaram durante os passeios, tudo deu muito certo!


No dia da chegada deles aqui em Santiago, tiveram um contratempo com a empresa de aviação que escolheram, a Avianca, pois a cadeira de rodas de dona Carmela estava totalmente destruída, e só depois de algum tempo, conseguiram uma cadeira “emprestada” pela empresa, para uso durante o período da viagem. Mas nem esse dissabor tirou a animação deles, quando nos encontramos no saguão do aeroporto, estavam todos com um sorriso no rosto e uma vontade imensa de aproveitarem cada minuto de suas Férias no Chile!

Do aeroporto, fomos para o hotel Atton Las Condes , esperei pelo check-in e depois já emendamos em um breve City Tour, pois todos estavam cansados e o friozinho da cidade de Santiago na primavera pegou todos eles de surpresa. Mas ainda assim, tiveram disposição para conhecer o Palácio La Moneda, fazer uma visita emocionada pela Catedral Metropolitana de Santiago e um passeio com comprinhas pela Paseo Ahumada! E para facilitar a vida nos próximos dias,  já passamos em uma casa de câmbio para trocar dinheiro e em uma loja Claro para colocar internet. Só faltou mesmo tempo para o almoço, rs.



No segundo dia de passeio, o destino era Valle Nevado e Farellones, mas pela previsão de nevasca, achamos melhor fazer uma troca e seguimos para Viña del Mar e Valparaiso, afinal todos queriam brincar na neve, mas não precisava estar caindo do céu aos litros, rs. No litoral, o dia foi de sol e céu azul, com uma vista linda do Pacífico, das suas gaivotas, pelicanos, leões marinhos, castelos e jardins floridos!

Depois de sentirem a água gelada do Pacífico, seguimos para Valparaiso, nossa primeira parada lá foi para almoçar, a fome já havia tomado conta de todos, rs. Puderam provar a centolla e o pisco sour, tão desejados! Mas o dia ainda não havia terminado, fizemos um passeio pela La Sebastiana, uma das três casas de Pablo Neruda, onde encontramos uma série de dificuldades pela falta de acessibilidade, o que vai render uma postagem completa sobre o tema. Dali, fizemos apenas um passeio panorâmico pelo Cerro Alegre e Concepcción para não cansar demais dona Carmela, e então seguimos para o Cerro Artillería, onde lá do alto é possível ter uma vista linda e colorida do Porto, fazer comprinhas e entender o que é Valparaiso.

Na volta, fizemos uma parada para uma última contemplação do Pacífico, um momento para se guardar no coração! Né minha amiga de infância?


E depois de um dia lindo de sol, o destino do dia seguinte foi a neve! Neve tão esperada principalmente pela pequena Malu, que não podia acreditar que ia mesmo poder pular, se jogar, escorregar na neve! E os seus desejos foram todos realizados! Primeiro, subimos até Valle Nevado, e enquanto a Malu e as outras “crianças” da família se esbaldavam na neve, dona Carmela, eu e a Nena ficamos curtindo a paisagem e brindamos a vida com um pisco sour com gengibre, tuuudo de bom!

Na volta de Valle Nevado, fizemos uma parada para um piquenique, uma experiência nova para eles e foi um momento muito bacana onde falamos da vida, rimos e nos aproximamos um pouco mais.

E antes de voltarmos para Santiago, fizemos uma parada em Farellones, para que eles conhecessem o vilarejo e o parque e claro, ficarem com vontade de voltar no próximo inverno!


Para finalizar o roteiro, o Valle de Casablanca foi a “guinda de la torta”! As duas vinhas escolhidas foram a Emiliana e a Casas del Bosque, vinhas que considero imperdíveis e tão próximas de Santiago. Na vinha Emiliana, fizeram o tour pelas plantações junto com outros turistas, mas na hora da degustação, tiveram uma atenção toda especial e uma mesa foi preparada somente para eles com uma degustação exclusiva, assim dona Carmela pode participar de forma confortável. A guia Pamela foi muito atenciosa, respondeu a todas as perguntas feitas, falou sobre harmonização, guarda, tipos de uvas e ainda ofereceu um vinho top que não fazia parte da degustação 🙂

E antes de seguir, a Malu teve seu outro desejo realizado: ver de perto uma “lhama”, que na verdade aqui na vinha são alpacas, mas são da mesma família e ela ficou feliz igual!

Na Casas del Bosque, reservei o almoço antes do próximo tour, se não, ninguém aguenta, rs. O restaurante Tanino é uma das melhores experiências que você vai vivenciar aqui no Chile, pela gastronomia e pelo seu entorno. Deixei meus turistas em boas mãos e fui almoçar, quando voltei para a sobremesa , vi uma cena linda, todos alegres, cantando (havia um evento fechado com música ao vivo de boa música brasileira). Estou certa que esse foi um momento que eles não irão esquecer tão cedo!

Tive que dar uma apressadinha e lembrar que ainda tinha um tour com mais uma degustação esperando por eles! E lá foram eles, alegres como todos os turistas ficam, depois de tantas taças de bons vinhos, rs.


E eu só tenho a agradecer por ter tido a oportunidade de conhecer pessoas tão bacanas, solidárias, humanas e boas de taça como vocês, rs.

Espero ter conseguido mostrar algumas, das entre tantas belezas que o Chile tem para oferecer e principalmente, espero ter conseguido atender a maioria das necessidades e expectativas de vocês para essa viagem!

Foi um aprendizado e uma linda experiência para mim, vivenciar a alegria, o bom humor e a disposição da dona Carmelita! Tenho vídeos ótimos em off, troco por alguns pacotes de café 3 corações, rs.

Taí nossa única foto juntos! Acho que a combinação de pisco sour e vinho não é recomendada quando se quer fazer boas fotos, mas fica como um registro para vocês não se esquecerem de mim e nem do meu motorista “muy buena onda” Henry.

Bete Veingartner | Outubro 2017


Para ver todas as fotos da viagem clique aqui!

Realizamos passeios privados e elaboramos roteiros sob medida para brasileiros! 

#turismoinclusivo #enoturismo #turismoaventura #turismoexclusivo


Quem somos | contato@feriasnochile.com


1 Comentário

  1. Maria Mercedes

    Queridos Beth e Henry obrigada por momentos inesquecíveis. Guardaremos no coração as lembranças desses dias especiais. Damos graças a Deus pela oportunidade de conhecer mais um país e especialmente, pessoas muy buena onda como vocês. Até a próxima! Beijos no coração! Mercedes e Roney

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *